jornalismo de esgoto: 2 desmentidos

sábado, 23 de outubro de 2010

no blog de ruda ricci

VEJA É DESMENTIDA

Reproduzo, abaixo, email que recebi de Ricardo Abramovay, um dos nossos maiores intelectuais, professor da USP, premiado por suas pesquisas sobre agricultura familiar, um dos responsáveis pela elaboração da Agenda 21 brasileira. Fernando Henrique Cardoso conhece bem Abramovay, porque ele colaborou tecnicamente por diversas vezes com seu governo.
Divulguem. Este pedido é o mínimo que posso fazer pela amizade e respeito que tenho por Abramovay. A Veja não é mais uma revista. É algo inominável.

—–Mensagem original—–
De: Ricardo Abramovay [mailto:abramov@usp.br]
Enviada em: 23 de outubro de 2010 20:37
Para: Ricardo Abramovay
Assunto: Veja de hoje

Caros amigos, colegas e alunos

Uso esta lista exclusivamente para difundir artigos ou eventos. Mas não posso deixar de enviar-lhes a nota de meu filho Pedro Vieira Abramovay em resposta à repugnante matéria de capa de hoje da revista VEJA.

NOTA DE PEDRO ABRAMOVAY

Nego peremptoriamente ter recebido, de qualquer autoridade da República, em qualquer circunstância, pedido para confeccionar, elaborar ou auxiliar na confecção de supostos dossiês partidários. Não participei de supostos grupos de inteligência em nenhuma campanha eleitoral. Nunca, em minha vida, tive que me esconder.
A revista Veja, na edição número 2188 de 2010, afirma ter obtido o áudio de uma gravação clandestina entre mim e um ex-colega de trabalho. Infelizmente a revista se recusou a fornecer o conteúdo da suposta conversa ou mesmo a íntegra de sua transcrição.
Dediquei os últimos oito de meus 30 anos a contribuir para a construção de um Brasil mais livre, justo e solidário, e tenho muito orgulho de tudo o que faço e de tudo o que fiz. Trabalhei no Ministério da Justiça como Assessor Especial, Secretário de Assuntos Legislativos e Secretário Nacional de Justiça, conseguindo de meus
pares respeito decorrente de meu trabalho. Apesar de ver meu nome exposto desta forma, não foi abalada minha fé na capacidade de transformação de nosso país e tampouco na crença da importância fundamental de uma imprensa livre para o fortalecimento de nossa democracia.
Pedro Vieira Abramovay
Secretário Nacional de Justiça

Mensagem do Luis Bueno de Aguiar, advogado do Gilberto Carvalho, sobre o (des) jornalismo do Estadão.

O Estadão passou de qualquer limite. Ontem dei uma entrevista para o Fausto Macedo explicando que o Gilberto Carvalho, de quem sou advogado, só estava constando da Ação Civil Pública da corrupção dos ônibus de Santo André pq o irmão do Celso Daniel, o João Francisco havia feito uma acusação sem prova nenhuma de que o Gilberto lhe teria dito que levava dinheiro vivo para o PT.

O Gil negou tudo, ficando a palavra de um contra o outro. Não há nada que confirme isso e mais que isso o João Francisco já é famoso por se retratar das acusações que faz.

A prova é tão frágil que o Juiz negou todos os pedidos do MP de bloqueio de bens e quebra de sigilo do Gil. O MP recorreu da decisão do Juiz e não conseguiu nada.

Expliquei que a ação só prosseguia contra o Gil pq esta é uma característica da Ação Civil Pública, ou seja, a ação deve ser instaurada por conta de sua natureza de interesse público, mas já se sabe que o Gil será com certeza absolvido.

Brinquei com o jornalista e disse-lhe que se eu o acusasse de pegar dinheiro público para comprar um motel nas Bahamas, ele conhecesse os compradores e lá tivesse um dia se hospedado, se fosse movida uma ação civil pública, certamente ele responderia por ela, mesmo que eu e ele soubéssemos que era tudo mentira.

Enfim um papo descontraído onde expliquei as questões técnicas e demonstrei a inocência do Gil. Hoje sai que eu, “procurado pela redação” não respondi até o fechamento da edição.

É demais, não?

Quem puder manda para blogs, listas, o que for.

Luis Bueno de Aguiar

Anúncios

Sobre CCBregaMim

Classe média. Não sai da gente. Mas melhora, se a gente estiver disposta a abandonar nosso lugar na opressão.
Esse post foi publicado em informação necessária, MANIFESTO e marcado , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s